Destaques

"...Enquanto ensinarmos que o mundo é um lugar a ser evitado, que as mazelas humanas são fruto da ausência de Deus, que Deus não ouve os pecadores, que só a igreja evangélica é que detém os "diretos autorais" da salvação, que ser forte e inabalável é sinônimo de fé e que ser pecador é ser inimigo de Deus então ainda não entendemos o plano da salvação e o evangelho de cristo rebaixado apenas á mais uma religião...."
"Sequencia de vídeos diários com a leitura do Novo Testamento"

domingo, 3 de fevereiro de 2013

O bom pastor milionário dá a vida pelas ovelhas?


“Eu sou o bom Pastor; o bom Pastor dá a sua vida pelas ovelhas.” – João 10:11
Essa semana o sistema religioso gospel foi manchete vergonhosa de pelo menos duas publicações: a Revista Veja, que mostrou líderes gospel que pagam altos salários para os que têm “vocação” para o pastorado (ou seja, quem domina as técnicas de vendas e a oratória e é capaz de convencer qualquer um a dar tudo o que tem na denominação gospel em que bate o ponto); e a Revista Forbes, que enumerou os líderes gospel mais ricos do Brasil, com fortunas pessoais (não computados os bens em nome de suas igrejas, fundações ou associações) que vão de “míseros” 65 milhões de dólares (casal Hernandes, da Renascer em Cristo), passando pelos 150 milhões de dólares do Silas Malafaia (Assembléia de Deus Vitória em Cristo) e culminando com o hour concour Edir Macedo (Igreja Universal do Reino de Deus), com seus 950 milhões de dólares.
“Eu sou o bom Pastor; o bom Pastor dá a sua vida pelas ovelhas. Mas o mercenário, e o que não é pastor, de quem não são as ovelhas, vê vir o lobo, e deixa as ovelhas, e foge; e o lobo as arrebata e dispersa as ovelhas.” – João 10:11-12
Pessoas que se dizem pastores, com fortunas pessoais de milhões de dólares. E enquanto isso, pessoas morrendo de fome e de frio, de sede, por causa de desabamentos (por residirem de forma desumana e irregular). Crianças desnutridas, velhos abandonados à própria sorte.
Mas o que os ricos pastores têm a ver com tudo isso?
“E, levantando ele os olhos para os seus discípulos, dizia: Bem-aventurados vós, os pobres, porque vosso é o reino de Deus. Bem-aventurados vós, que agora tendes fome, porque sereis fartos. Bem-aventurados vós, que agora chorais, porque haveis de rir. Bem-aventurados sereis quando os homens vos odiarem e quando vos separarem, e vos injuriarem, e rejeitarem o vosso nome como mau, por causa do Filho do homem. Folgai nesse dia, exultai; porque eis que é grande o vosso galardão no céu, pois assim faziam os seus pais aos profetas. Mas ai de vós, ricos! porque já tendes a vossa consolação. Ai de vós, os que estais fartos, porque tereis fome. Ai de vós, os que agora rides, porque vos lamentareis e chorareis. Ai de vós quando todos os homens de vós disserem bem, porque assim faziam seus pais aos falsos profetas.” – Lucas 6:20-26
Os recursos são limitados, são finitos. E o dinheiro, representado fisicamente pelo papel-moeda, também é. Para que a Economia se mantenha, os governos não podem sair imprimindo dinheiro a torto e a direito, sem “lastro”. Dessa forma, até o dinheiro é finito.
Sendo finito, limitado, há uma quantia espalhada por aí. Hoje descobrimos que uma boa parte está nas mãos de líderes gospel tupiniquins. Ora, se eles detém essa grande parte, por obviedade faltará dinheiro para outras pessoas. Assim, sobra dinheiro no bolso do Eike Batista, do Edir Macedo, do Silas Malafaia, do Valdemiro Santiago, do R.R. Soares, do casal Hernandes, e falta dinheiro no bolso de milhões e milhões de brasileiros (segundo dados do Censo de 2010, naquele ano METADE dos brasileiros recebiam MENOS de um salário mínimo por mês – fonte IBGE).
Não é à toa que o Brasil, em 2010, conseguiu vergonhosamente subir no pódio, como 3o. pior país do mundo em DESIGUALDADE SOCIAL (ou seja, onde é maior a distância entre os mais ricos e os mais pobres). E, pela notícia da Forbes, penso que a situação só piorou de lá para cá.
“Eia, pois, agora vós, ricos, chorai e pranteai, por vossas misérias, que sobre vós hão de vir. As vossas riquezas estão apodrecidas, e as vossas vestes estão comidas de traça. O vosso ouro e a vossa prata se enferrujaram; e a sua ferrugem dará testemunho contra vós, e comerá como fogo a vossa carne. Entesourastes para os últimos dias. Eis que o jornal dos trabalhadores que ceifaram as vossas terras, e que por vós foi diminuído, clama; e os clamores dos que ceifaram entraram nos ouvidos do Senhor dos exércitos. Deliciosamente vivestes sobre a terra, e vos deleitastes; cevastes os vossos corações, como num dia de matança. Condenastes e matastes o justo; ele não vos resistiu.” – Tiago 5:1-6
Este mesmo Censo de 2010 também traz dados interessantes: em dez anos, os evangélicos cresceram de 15,4 para 22,2% da população, e destes, 60% se diziam pentecostais.
Ohhhh!!!!  Praticamente um quarto da população brasileira de “salvos” e “libertos”!!!! Porém, a violência mata mais do que o câncer em 15 Estados brasileiros.
E o que gera a violência?
“E perguntou-lhe um certo príncipe, dizendo: Bom Mestre, que hei de fazer para herdar a vida eterna? Jesus lhe disse: Por que me chamas bom? Ninguém há bom, senão um, que é Deus. Sabes os mandamentos: Não adulterarás, não matarás, não furtarás, não dirás falso testemunho, honra a teu pai e a tua mãe. E disse ele: Todas essas coisas tenho observado desde a minha mocidade. E quando Jesus ouviu isto, disse-lhe: Ainda te falta uma coisa; vende tudo quanto tens, reparte-o pelos pobres, e terás um tesouro no céu; vem, e segue-me. Mas, ouvindo ele isto, ficou muito triste, porque era muito rico. E, vendo Jesus que ele ficara muito triste, disse: Quão dificilmente entrarão no reino de Deus os que têm riquezas! Porque é mais fácil entrar um camelo pelo fundo de uma agulha do que entrar um rico no reino de Deus. E os que ouviram isto disseram: Logo quem pode salvar-se? Mas ele respondeu: As coisas que são impossíveis aos homens são possíveis a Deus.” – Lucas 18:18-27
É muito estranho ver que há pessoas que se dizem pastores, ou seja, cuidadores de outras vidas, mas que conseguem viver no luxo desenfreado enquanto as mesmas vidas das quais juram cuidar vivem muitas vezes em situação difícil, até mesmo de miséria. Não consigo entender como alguém pode viver juntando dinheiro e riquezas e ao mesmo tempo se dizer seguidor de Cristo, justamente Daquele que não tinha nem uma pedra onde recostar a cabeça, e que dividia o que não tinha (até pães e peixes trazidos por outros) para que ninguém passasse fome ou necessidade.
Se o pastor tem cheiro de ovelha, é porque anda com as ovelhas, vive entre elas. Será que os pastores milionários vivem assim?
“Não ajunteis tesouros na terra, onde a traça e a ferrugem tudo consomem, e onde os ladrões minam e roubam; mas ajuntai tesouros no céu, onde nem a traça nem a ferrugem consomem, e onde os ladrões não minam nem roubam. Porque onde estiver o vosso tesouro, aí estará também o vosso coração. A candeia do corpo são os olhos; de sorte que, se os teus olhos forem bons, todo o teu corpo terá luz; se, porém, os teus olhos forem maus, o teu corpo será tenebroso. Se, portanto, a luz que em ti há são trevas, quão grandes serão tais trevas! Ninguém pode servir a dois senhores; porque ou há de odiar um e amar o outro, ou se dedicará a um e desprezará o outro. Não podeis servir a Deus e a Mamom. Por isso vos digo: Não andeis cuidadosos quanto à vossa vida, pelo que haveis de comer ou pelo que haveis de beber; nem quanto ao vosso corpo, pelo que haveis de vestir. Não é a vida mais do que o mantimento, e o corpo mais do que o vestuário?” – Mateus 6:19-25
De que me serve ter milhões e milhões de dólares guardados no banco, e saber que há milhões e milhões de crianças que poderiam, com um “ato de liberalidade” da minha parte, deixar de morrer de desnutrição e ter acesso a uma escola? Uma geração de crianças bem cuidadas trará uma futura geração de jovens longe da violência e dos maus caminhos.
Pena que “ato de liberalidade” só funciona quando diz respeito à ovelha ser tosquiada e dar toda a sua lã no templo do líder gospel milionário, não para que os pobres sejam socorridos (conforme nos ensina a Palavra), mas para a reforma e embelezamento do templo e para o pagamento de salários exorbitantes aos pastores…
“E também houve entre o povo falsos profetas, como entre vós haverá também falsos doutores, que introduzirão encobertamente heresias de perdição, e negarão o Senhor que os resgatou, trazendo sobre si mesmos repentina perdição. E muitos seguirão as suas dissoluções, pelos quais será blasfemado o caminho da verdade. E por avareza farão de vós negócio com palavras fingidas; sobre os quais já de largo tempo não será tardia a sentença, e a sua perdição não dormita.” – 2 Pedro 2:1-3
Estou muito triste. Triste, com o coração apertado, doendo, chorando por dentro. Jesus não se deu em sacrifício pela humanidade para que, dois mil anos depois, alguns viessem a dançar sobre seu túmulo vazio.
Não, isso que vemos todos os dias na tv e em muitos púlpitos NÃO É O EVANGELHO DE CRISTO.
“Mas é grande ganho a piedade com contentamento. Porque nada trouxemos para este mundo, e manifesto é que nada podemos levar dele. Tendo, porém, sustento, e com que nos cobrirmos, estejamos com isso contentes. Mas os que querem ser ricos caem em tentação, e em laço, e em muitas concupiscências loucas e nocivas, que submergem os homens na perdição e ruína. Porque o amor ao dinheiro é a raiz de toda a espécie de males; e nessa cobiça alguns se desviaram da fé, e se traspassaram a si mesmos com muitas dores. Mas tu, ó homem de Deus, foge destas coisas, e segue a justiça, a piedade, a fé, o amor, a paciência, a mansidão.” – 1 Timóteo 6:6-11
Nós, brasileiros, somos um povo realmente abençoado, pois temos total direito e acesso à Bíblia, à Palavra de Deus. Quantos cristãos perseguidos não fariam de tudo para ter o privilégio de simplesmente poder folhear uma Bíblia de verdade!
Nós temos este privilégio. Temos até demais, podendo adquirir Bíblias de diversas versões e comentários. Só que precisamos não apenas folhear, mas LER A BÍBLIA.
Lendo-a, vamos descobrir o que Deus diz em relação a adquirir e desejar riquezas. Vamos aprender para que servem as ofertas (ou melhor, para QUEM). Vamos descobrir o que é morrer para nós mesmos e dar nossa vida em benefício dos outros.
Lendo a Bíblia de coração sincero, Deus nos mostrará Sua vontade de verdade, e não seremos manipulados por lobos enganadores.
Se Deus quisesse um império terreno gospel, já teria feito isso há dois mil anos, fazendo Jesus vir à terra como um Rei, não como o filho de um carpinteiro.
Pensemos em tudo isso. É legítimo enriquecer às custas de Deus?
“E ao anjo da igreja que está em Laodicéia escreve: Isto diz o Amém, a testemunha fiel e verdadeira, o princípio da criação de Deus: Conheço as tuas obras, que nem és frio nem quente; quem dera foras frio ou quente! Assim, porque és morno, e não és frio nem quente, vomitar-te-ei da minha boca. Como dizes: Rico sou, e estou enriquecido, e de nada tenho falta; e não sabes que és um desgraçado, e miserável, e pobre, e cego, e nu; Aconselho-te que de mim compres ouro provado no fogo, para que te enriqueças; e roupas brancas, para que te vistas, e não apareça a vergonha da tua nudez; e que unjas os teus olhos com colírio, para que vejas. Eu repreendo e castigo a todos quantos amo; sê pois zeloso, e arrepende-te. Eis que estou à porta, e bato; se alguém ouvir a minha voz, e abrir a porta, entrarei em sua casa, e com ele cearei, e ele comigo. Ao que vencer lhe concederei que se assente comigo no meu trono; assim como eu venci, e me assentei com meu Pai no seu trono. Quem tem ouvidos, ouça o que o Espírito diz às igrejas.” – Apocalipse 3:14-22

Que Deus toque nesses e em outros líderes religiosos, e que eles possam voltar (se é que um dia viveram) ao Primeiro Amor.
“Ainda que eu falasse as línguas dos homens e dos anjos, e não tivesse amor, seria como o metal que soa ou como o sino que tine.
E ainda que tivesse o dom de profecia, e conhecesse todos os mistérios e toda a ciência, e ainda que tivesse toda a fé, de maneira tal que transportasse os montes, e não tivesse amor, nada seria.
E ainda que distribuísse toda a minha fortuna para sustento dos pobres, e ainda que entregasse o meu corpo para ser queimado, e não tivesse amor, nada disso me aproveitaria.
O amor é sofredor, é benigno; o amor não é invejoso; o amor não trata com leviandade, não se ensoberbece.
Não se porta com indecência, não busca os seus interesses, não se irrita, não suspeita mal;
Não folga com a injustiça, mas folga com a verdade;
Tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.
O amor nunca falha; mas havendo profecias, serão aniquiladas; havendo línguas, cessarão; havendo ciência, desaparecerá;
Porque, em parte, conhecemos, e em parte profetizamos;
Mas, quando vier o que é perfeito, então o que o é em parte será aniquilado.
Quando eu era menino, falava como menino, sentia como menino, discorria como menino, mas, logo que cheguei a ser homem, acabei com as coisas de menino.
Porque agora vemos por espelho em enigma, mas então veremos face a face; agora conheço em parte, mas então conhecerei como também sou conhecido.
Agora, pois, permanecem a fé, a esperança e o amor, estes três, mas o maior destes é o amor.” - 1 Coríntios 13
VOLTEMOS AO EVANGELHO PURO E SIMPLES,
O $HOW TEM QUE PARAR!
Em tempo: pelo menos tivemos essa semana uma boa notícia sobre os evangélicos. É a história de uma idosa que prega nos aeroportos do Brasil. Ela não pede R$ 1.000,00 em troca de bênçãos financeiras e não tem milhões de reais aplicados no banco. Mesmo sem dinheiro e sem pedir ofertas, ela viaja pelos aeroportos e prega a quem se abre para ouvir a Palavra de Deus.
Ela assim se define: como a velhinha mais feliz do mundo.
Eis um tapa de pelica na cara daqueles que insistem que precisam de milhões e milhões para pregar a Palavra de Deus (desculpa esfarrapada gospel para se criar impérios religiosos).


Vi no site da Vera:
http://estrangeira.wordpress.com
Comentários
0 Comentários

Outras publicações